Se você ama pedalar, vai se apaixonar por Amsterdam!

Se você é daquelas que quando o sábado está ensolarado já pensa em dar uma volta de bike, que quando está no carro a caminho do trabalho fica imaginando como seria fazer aquele trajeto de bicicleta, que prefere mil vezes bicicleta do que dirigir, que quando vê alguém pedalando em horário comercial, enquanto todo mundo está parado no trânsito, pensa “nossa, como faço pra sair correndo desse carro?”, que fica imaginando como seria legal morar em uma cidade plana e cheia de ciclovias… ufa!… então toca aqui! o/ Você vai amar Amsterdam!

Já aviso que será amor à primeira vista, nem adianta fazer a #elza porque não há como fugir. Tem mais bicicleta do que morador na cidade. São mais de 881 mil magrelas contra 834 mil Amsterdammers {àqueles que nasceram ou cresceram na cidade}. Não é incrível?! Pois é, te falei que é impossível não se encantar!

Tem mais bicicleta do que gente morando na cidade. Acredite!

Ao descer na Estação Central de Amsterdam você verá UM MONTÃO de bicicletas em uma espécie de estacionamento. Muitas mesmo, não é modo de falar, não. Um em cada três moradores usa a bicicleta para ir ao trabalho. Cerca de 2,3 milhões de pessoas vivem na região metropolitana e boa parte usa transporte público para ir à cidade, depois termina o trajeto de bike!

O estacionamento de bicicletas na Estação Central de Amsterdam é impressionante!

Existem 250 mil estacionamentos de bicicletas em Amsterdam e a grande maioria está localizada em espaço público. Regularmente são organizadas as “campanhas de etiqueta, na qual um adesivo é colocado em cada bike com o aviso de que ela será removida e levada ao Depósito de Bicicleta, caso o dono não apareça dentro do prazo. É o “achados e perdidos” das magrelas!

Há uma estimativa de 250 mil lugares de estacionamento de bicicletas em Amsterdam, a grande maioria localizada em espaço público.
Há cerca de 250 mil estacionamentos de bicicletas em Amsterdam. Como faz pra encontrar?!

Bicicletas, carros e os famosos tram (um trem bonitinho que circula pela cidade) dividem o mesmo espaço. Há mais bicicletas do que carros nas ruas! São 881 mil bikes contra 263 mil automóveis! Aliás, elas são responsáveis por 38% do tráfego de Amsterdam. Pra dar conta de tantas pedaladas, mais de 400 km são destinados às ciclovias.

Olha lá que bonito, bike, carro, tram, tudo misturado.

Todo mundo pedala, MESMO! Antes mesmo de começar a andar, uma criança já das uns rolês de bicicleta com os pais. É muito comum ver mamães pedalando com seus filhinhos em uma cadeirinha ou em um carrinho. Inclusive da pra alugar uma bike com cadeirinha 🙂

Duas crianças?! Sim, fofura em dobro!
Duas crianças?! Sim, fofura em dobro!
Mamãe e filhinha em um sábado à tarde <3
Mamãe e filhinha em um sábado à tarde <3

Também é comum ver idosos pedalando por aí. Aliás, alguns deles não deveriam ser chamados assim, porque são mais atletas do que eu, que tenho 30. Hahaha. Como vocês podem ver, é um estilo de vida!

Cabelos brancos significam APENAS que você é descolado!
Quando cabelos brancos significam APENAS que você é descolado!

Os animais também fazem parte dessa delícia que é pedalar e acompanham os seus donos, sentadinhos, de boa, nos passeios pela cidade. Não é a coisinha mais linda?!

Que coleira o quêeee, o catioro vai passear na bike da mamãe!
Que coleira o quêeee, o catioro vai na bike da mamãe!

Fato curioso: A cada ano, mais de 12 mil bicicletas são pescadas, literalmente, nos canais cidade.

Uma hora pode acontecer de a bike cair no rio, não?!
Uma hora pode acontecer de a bike cair no rio, não?!

Mais um fato curioso: O museu Rijksmuseum, um dos mais famosos da cidade, serve de atalho para ciclistas e pedestres desde que foi construído. Um túnel atravessa o museu separando galerias de arte, mas proporcionando uma experiência incrível!

Rijksmuseum: o museu com passagem para bicicletas!
Rijksmuseum: o museu com passagem para bicicletas! Crédito: The Gurdian.

Um lugar delicioso para pedalar é o Voldenpark, que fica no meio da cidade! Pensa num parque bem cuidado, tranquilo, com gente de todas as tribos convivendo em harmonia, é lá mesmo!

Vondelrpark: um parque muito gostoso no meio da cidade!
Vondelrpark: um parque muito gostoso no meio da cidade!

Uma pesquisa bienal realizada pela Copenhagenize Design Company analisa os esforços das cidades para melhorar o uso de bicicletas e criar um índice das cidades bike-friendly. Nas primeiras edições, 2011 e 2013, Amsterdam ficou em primeiro lugar. Porém, em 2015, a capital dinamarquesa foi a primeira colocada, seguida de Amsterdam. Copenhagen reivindicou a vaga após investimentos contínuos em infra-estruturas, incluindo uma nova super ciclovia para ligar os moradores de áreas adjacentes à capital. Ok, mas Amsterdam continua em nossos corações <3

Gente, olha isso!
Gente, olha isso!

E aí, já tá pensando em alugar uma bicicleta quando for pra Amsterdam? Tá, né?! Hahaha. Isso aí, bora engrossar as canelas e conhecer essa cidade linda! E quem já realizou esse sonho, como foi? Compartilhe com a gente 🙂

 

Fontes: IAmsterdam; The Guardian,
The following two tabs change content below.
Keila Marques
Curiosa e interessada, é movida pelas descobertas de diferentes estilos de vida, culturas, costumes, histórias e sabores! Já fez intercâmbio no Chile e na Austrália e sonha em fazer uma viagem de volta ao mundo!
Keila Marques

Latest posts by Keila Marques (see all)