AirBnb lança reserva de Experiências e Lugares recomendados

 

O lançamento do Trips foi anunciado em Los Angeles no último 17 de novembro como uma nova frente do AirBnb que vai expandir o conceito da companhia de “hospede-se na casa de um morador da cidade e sinta-se como um local”. Para tornar essa ideia ainda mais real, agora você poderá fazer as coisas que os locais fazem com a companhia deles, é claro, e frequentar os mesmos lugares que eles. Outros dois produtos já foram anunciados e serão lançados em breve, Vôos e Serviços {que inclui reservas em restaurantes}.

Trips é uma plataforma de empoderamento de pessoas, segundo a companhia, já que vai possibilitar aos locais compartilharem seus hobbies e paixões com turistas que querem experimentar o estilo de vida deles. E não deixa de ser uma forma de gerar empregos, né?! Os turistas, por sua vez, viverão como um morador da cidade {pelo menos por alguns dias} e terão mais chances de socializar com outros viajantes e moradores, em encontros organizados por meio da comunidade.

Casa, Experiências e Lugares: bem-vindo ao mundo das Trips

Hoje, a comunidade AirBnb tem três milhões de casas disponíveis para reserva em 191 países, que agora poderão oferecer o combo: Experiências + Lugares recomendados. A comunidade certamente irá crescer, já que agora é possível tornar-se um “guia-turístico”, ou seja, ser um anfitrião sem alugar a própria casa. Continue lendo o texto para entender a sacada dos caras!!!

AirBnb lança o Trips: um combo hospedagem + experiências + lugares recomendados

airbnb-planejamento-de-viagem-experiencia-estilo-de-vida

Experiências

A ideia inicial do AirBnb já era oferecer a estadia mais próxima de como vive um morador local. Agora eles expandiram esse conceito e além de alugar a sua casa, você também pode trabalhar como guia turístico de experiências, mostrando o que mais gosta de fazer no seu tempo livre. É surfista e conhece os melhores lugares para surfar? Leve o turista junto! Ama fazer trilhas e conhece as melhores da cidade? Leve um turista com você! Sabe fazer uma feijoada com caipirinha dos Deuses? Ensine ao turista!

Dedique-se às suas paixões: reserve experiências desenvolvidas e criadas por moradores locais com os mesmos interesses que você – AirBnb

A categoria experiências abrange dois formatos: uma imersão de, em média, três dias ou algo mais pontual, como uma oficina, um passeio pelo bairro, e durar algumas horas. Especialistas se tornaram parceiros da companhia e vão oferecer experiências de imersão. Veja os anúncios que já estão no site: “Pedale pelas ruas com a cofundadora de uma comunidade de ciclistas de Miami” – 3 dias, $785 por pessoa, grupo de 8 ciclistas; “Explore a cena musical de Havana com uma vocalista premiada” – 3 dias, $349 por pessoa, grupo de 6; “Visite mercados de rua e prove petiscos acompanhado por uma das referências da cena gastronômica de Londres” – 3 dias, $551, grupo de 8. Inclusive experiências com foco em colaboração para a comunidade estarão disponíveis por meio de organizações sem fins lucrativos.

Lugares

captura-de-tela-2016-11-21-as-12-21-25

O esquema é mostrar aos turistas os lugares que os locais amam, afinal “eles conhecem a própria cidade melhor do que ninguém”, diz a companhia. Quem nunca perguntou pro amigo, parente, amigo do amigo, uma dica de restaurante bacana antes mesmo de chegar ao destino? Aliás, é o que o TripAdvisor já faz de certa forma, né?!

Receba recomendações de moradores locais conhecidos e interessantes. Curta os lugares onde blogueiros de design, dançarinos de salsa e gurus fitness adoram ir – AirBnb

 

A opção “Lugares” inclui mais de um milhão de recomendações em todo o mundo a partir dos anfitriões do Airbnb, recomendando em seus bairros, de cafés a restaurantes, parques e outras atrações locais. No futuro será possível reservar mesas em restaurantes também. A companhia também anunciou o acesso a passeios com áudio-guia, inicialmente disponíveis para Los Angeles. São Francisco, Paris, Londres, Tóquio e Seul serão lançados em 2017.

Segurança: Tanto os anfitriões e quantos os usuários terão que digitalizar uma identificação oficial, por exemplo, passaporte ou carteira de motorista, e, em seguida, tirar um selfie. Ambos serão revistos para confirmar as imagens se parecem. A companhia quer passar mais confiabilidade e segurança, já que existem casos de golpes de hospedagem por meio da plataforma.

Veja mais fotos

Crédito: AirBnb
Crédito: AirBnb

 

Crédito: AirBnb
Crédito: AirBnb

 

Crédito: AirBnb
Crédito: AirBnb

 

Crédito: AirBnb
Crédito: AirBnb

_____________________________________________________________________

E aí, o que você achou dessa novidade do AirBnb? Se arriscaria a ser um anfitrião na sua cidade? Ou gostaria de participar de uma experiência com outros viajantes? Compartilhe nos comentários! 🙂

The following two tabs change content below.
Keila Marques
Curiosa e interessada, é movida pelas descobertas de diferentes estilos de vida, culturas, costumes, histórias e sabores! Já fez intercâmbio no Chile e na Austrália e sonha em fazer uma viagem de volta ao mundo!
Keila Marques

Latest posts by Keila Marques (see all)